(SOF Arquivada) Como orientar os cuidadores de pacientes acamados na prevenção de úlceras de decúbito?

| 27 agosto 2009 | ID: sofs-2892
Solicitante:
CIAP2:
DeCS/MeSH: ,
Graus da Evidência:

SOF Atualizada: https://aps-repo.bvs.br/aps/como-orientar-os-cuidadores-de-pacientes-acamados-na-prevencao-de-ulceras-de-decubito-2/

Como prevenir as úlceras de decúbito:
Estimule a pessoa cuidada a mudar de posição pelo menos a cada 2 horas. À noite, o cuidador pode mudar a pessoa de posição quando acordar a pessoa cuidada para dar medicação, ou fazer outro cuidado.

Fique Atento: Ao fazer a higiene corporal, evite esfregar a pele com força, pois isso pode romper a pele. Faça movimentos suaves, use pouca quantidade de sabonete e enxágüe bem, para que a pele da pessoa não fique ressecada. A pele deve ser mantida limpa e seca para prevenir a maceração porque a pele úmida quebra mais facilmente sob a pressão e forças de deslizamento.
Fique Atento: A escara surge de uma hora para outra e pode levar meses para cicatrizar.
Os procedimentos acima possuem grau de recomendação C.

imagem_p353

Figura 01 Locais indicados para proteção com rolos auxiliares.


Bibliografia Selecionada:

  1. Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde. Guia prático do cuidador. Brasília: Ministério da Saúde; 2008. (Série A. Normas e Manuais Técnicos). Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/guia_pratico_cuidador.pdf Acesso em: 27 agosto 2009.
  2. Newton H, Cameron J. Skin Care in Wound Management. Medical Communications: UK Ltd; 2003.